Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A teia da noite!

Sexta-feira, 18.04.08

 

Longa a noite voa alto,
do meu desejo por ti.
Longa a noite no asfalto,
a noite em que me perdi!

Quero desta noite longa,
esquecer o tempo que vivi,
das dores que hoje sinto,
quase acho que morri.

De sentir-me morrer,
de desejo acelerado,
noite que me tramou,
no meu sono acordado.

O meu corpo ardente,
de desejo se incendeia,
nesta longa noite,
enrolada numa teia.

Tal qual uma aranha,
enredo-me sem fim,
na teia que teceste,
para me prenderes a ti.

Da teia eu não sairei,
desenredar não quero,
mas são tão longas,
as noites que te espero!

Morrerei nessa teia,
se tiver de esperar,
mais que as noites
que demoras a chegar.

A noite é uma teia,
na qual te encontrei,
A noite é uma teia,
de qual jamais sairei!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Dona das Chaves às 02:02





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Maio 2009

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31



A pisar agora!

online



links

Aqui também piso

Pisadelas partilhadas

Outros pés


posts recentes


comentários recentes


Posts mais comentados